domingo, 10 de março de 2013

Diferença entre lebres e coelhos

Fonte: http://www.jornaloflorense.com.br
Olá leitores,

Hoje vamos falar sobre uma curiosidade que tenho certeza que muito têm! As diferenças entre lebre e coelhos. Primeira diferença como se pode ver na foto acima, as lebres tem orelhas e patas mais longas, principalmente as traseiras o que lhes possibilita ter um ótimo impulso para correr! 


Filhotes: Os filhotes de coelhos nascem sem pelos e cegos - já os filhotes da lebre nascem com pelos e olhos abertos - como vocês podem ver na foto comparativa abaixo:


E como você pode ver na foto também, as lebres não fazem buracos para ter seus filhotes, preparam seu ninho na superfície do solo mesmo em local seguro. Já os coelhos cavam galerias e tem seus filhotes dentro delas para segurança! 

Os coelhos tem uma gestação mais rápida que as lebres e por isso mesmo seus filhotes nascem sem pelos e com os olhos fechados! Sua gestação dura cerca de 30 dias - 2 para mais ou para menos, enquanto as lebres tem o tempo de gestação por volta de 40 dias . 

Como proteção os coelhos costumam correr para suas galerias a fim de fugir de seus predadores, já as lebres são animais muito rápido e correm muito mais que os coelhos em situações de perigo. 

Lebre com suas grandes patas
Fonte: http://coelhosblogs.blogspot.com
Alguns dizem que as lebres são mais rápidas que os coelhos, outros dizem que os coelhos são mais rápidos. Porém, o que se pode ter certeza que é as lebres conseguem manter uma velocidade constante e possuem uma maior resistência no momento da corrida, enquanto os coelhos correm rápido mas cansam rápido também. Esse fato está relacionado com a forma de proteção que eu já citei acima, pois as lebres precisam correr para se proteger e os coelhos precisam ser rápidos para chegar as suas tocas! 

Em relação aos seus hábitos, os coelhos costumam viver em colônias de em médio 8 animais, enquanto as lebres são animais solitários e vivem no máximo com o seu par (em casais). Os coelhos tem o hábito de bater sua pata traseira no chão para comunicar seus companheiros de perigo, já as lebres não possuem esses hábitos. 

Outra curiosidade bem interessante é que em lugares muito frios e que nevam, as lebres mudam seus pelos para pelos brancos, possibilitando a sua camuflagem, como você pode ver na imagem ao lado. 

E aí, aprendeu a diferença? ;)


Nenhum comentário:

Postar um comentário